[OFICINA DE PRECIFICAÇÃO] Por Trás do Preço Certo

Aprenda a precificar o seu produto ou serviço de uma vez por todas, sem nunca mais se perguntar se esse é “o preço certo”

Precificação na prática

Desvende os mistérios da precificação em uma oficina de 7 módulos

Depois de um volume alto de vendas você ainda vê que a conta não fecha no final do mês? Se as controle de gastos está sendo feito mas ainda assim seu caixa fica no vermelho, isso pode ser um sinal de que a sua precificação não está bem ajustada.

Vender seu produto ou serviço pelo preço errado pode custar caro para a sua empresa. Isso porque além de deixar de fatura, você também compromete a saúde financeira do fluxo de caixa, fazendo com que a manutenção do negócio seja insustentável. 

Por isso, entender o que é precificação e como fazer as contas corretamente deve ser um dos primeiros passos na caminhada de toda pessoa empreendedora. Fizemos a Oficina Por Trás do Preço Certo para que essa jornada não seja solitária e você possa contar com o apoio de quem conhece do assunto.

Dividida em 7 módulos, a oficina trás um compilado do Bê-á-bá envolvendo os cálculos de preço de produtos e serviço. Além dos vídeos, você também terá acesso a materiais de apoio para baixar, como planilhas e ebook. 

A Conta PJ gratuita e sem burocracia que o seu negócio merece.

Cadastre a sua empresa em menos de 10 minutos e abra uma conta PJ totalmente sem custos. Junte-se a mais de 100.000 empreendedores, economize tempo e dinheiro e foque no importa: no seu negócio.

5/5

“Excelente app, bem simples e entrega o que promete. Cobrança gratuita de boleto que reduziu bastante os custos na empresa” – Guilherme Silva

Por Trás do Preço Certo: três pilares fundamentais

Entender a definição de precificação é fácil: estamos falando do processo de colocar preço em algo para estabelecer uma troca comercial. Mas esse processo é composto por três pilares fundamentais –  preço, mercado e valor – e é nesse momento que as coisas começam a ficar um pouco mais complicadas.

Enquanto os dois primeiros podem ser compreendidos por uma abordagem mais técnica e racional, o valor navega pelo campo da psicologia, por isso acaba sendo mais abstrato. Para encontrar o preço certo de um produto ou serviço, é imprescindível considerar esses três pilares. Nesse sentido, o preço de venda será encontrado através de uma combinação de contas e pesquisas de mercado. 

Na hora de pôr a mão na massa, você pode começar pela parte mais fácil do processo de precificação, que é encontrar os seus números.  Organize em uma ferramenta de controle todos os custos e despesas que envolvem a realização daquela venda.

Ou seja, selecione todos os custos e despesas – fixos e variáveis – que envolvem a aquisição de matéria prima, a produção, o armazenamento, o processo de venda, além das despesas que a sua empresa tem para manter as portas abertas. Esse último grupo de gastos deve ser contabilizado e considerado no processo de precificação porque cada venda deve conter uma margem de contribuição para manter a empresa funcionando. 

Ao colocar todos esses números no papel, você encontrará um preço de venda que apenas faz a roda girar, sem que as transações tragam lucro para o negócio. Para adicionar a margem de lucro, é recomendável que a pessoa empreendedora estude o seu mercado.  Assim, é possível conhecer os seus concorrentes e encontrar quais faixas de preço oferecem competitividade.

Mas onde entra a psicologia?

Você vai utilizar a psicologia para encontrar o valor daquilo que a sua empresa oferece. Enquanto o preço representa uma quantia monetária atribuída à troca de um bem ou produto, o valor se refere ao custo agregado às vantagens, aos benefícios e às características exclusivas que aquele objeto de compra oferece a quem o consome.

Dessa forma, o número representa uma percepção, comercialmente conhecida por disposição à pagar. Ao comprar produtos de grifes como Chanel e Prada, por exemplo, os clientes pagam pelo custo de produção daquele bem, mas também pelos valores agregados à eles, como status e exclusividade.

O mesmo acontece com carros esportivos, artigos de colecionador e itens de marcas famosas, apenas para dar alguns exemplos. Essa lógica funciona para todo tipo de compra, o que difere é a proporção de valor observado  pelas pessoas. Por isso, você precisa conhecer o seu público e entender qual é a percepção de valor que ela tem sobre a sua empresa e o que você oferece. 

Tendo isso em mãos, você poderá encontrar a  disposição à pagar dos seus clientes e com isso, criar uma régua de preços, que não necessariamente vai segui um percentual de lucro. A combinação desses dados com um análise aprofundada dos seus concorrentes de colocará em uma posição muito competitiva, já que você terá uma previsibilidade maior do comportamento da sua clientela.

Mas vale dizer que um estratégia está diretamente ligada à outra. Você não deve precificar o seu serviço ou produto baseado na concorrência, pois ela pode não ter feito os cálculos corretamente e isso levará a sua empresa para o vermelho. Então lembre-se, o segredo por trás do preço certo está na estratégia conjunta dos três pilares: preço, mercado e valor. 

Quer saber mais sobre precificação?

Baixe agora mesmo a Oficina Por Trás do Preço Certo e garanta um crescimento saudável para a sua empresa.

Saiba como explorar os diferenciais da sua marca para deixar evidente os valores que você entrega para os consumidores.

O fortalecimento de uma empresa demanda tempo, mas você certamente alcançará os resultados esperados se tiver planejamento e organização.

Precificação prática


Cora Sociedade de Crédito Direto S.A – 37.880.206/0001-63
Av. Brigadeiro Faria Lima, 2954 – Cj. 72 – Jardim Paulistano – São Paulo

Cora Pagamentos LTDA – 34.052.649/0001-78.
Av. Brigadeiro Faria Lima, 2954 – Cj. 72 – Jardim Paulistano – São Paulo